26 de dezembro de 2012

Resenha: Um Gosto de Vida - Susan Mallery


Título Original: Sweet Talk
Autora: Susan Mallery
Editora: Harlequin 
Série: As irmãs Keyes (livro #1)
Ano: 2011
Páginas: 318

Sinopse: Existe algo mais doce do que o primeiro amor? Não pergunte a Claire Keyes. Aos 28 anos, ela é considerada um prodígio no piano. Porém, em seu currículo amoroso não há um relacionamento sério, tampouco um caso de verdade. Sua carreira de concertista deixou pouco espaço para amigos e parentes. E é por esse motivo que Claire não visita Nicole e Jesse, suas irmãs, nem a tradicional confeitaria da família há anos.

 Mas agora Nicole está doente e já faz tempo que Jesse desertou. Sem considerar o fato de Claire não saber botar água para ferver, ela está determinada a bancar a dona de casa. Criar laços com as duas irmãs está no topo de sua lista... junto com se apaixonar ou, pelo menos, ser seduzida pela primeira vez.
 Apesar de ser um homem tão atraente quanto sério, pode ser que Wyatt se encaixe nos planos de Claire. Embora não pare de dizer que ambos vêm de mundos totalmente diferentes, ele fica mais aceso do que o forno da padaria sempre que ela se aproxima. Se continuar assim, talvez Claire dê a ele uma chance... e deixe um gostinho de quero mais.

Um Gosto de Vida é o primeiro volume da trilogia 'As Irmãs Keyes' e conta a história de Claire, a irmã gêmea mais nova por 2 segundos de Nicole. Após terem sido separadas devido a estranha habilidade que Claire tem com o piano, Nicole ficou sozinha, como se um braço fosse arrancado do seu corpo. Como se isso já não bastasse, a mãe das gêmeas foi com Claire, desencadeando o papel de sua agente. Porém, um acidente de carro faz com que a mãe de Claire morra diante de seus olhos, sem que ela possa fazer nada para salvá-la. Isso bastou para despertar todo o ódio na pequena Nicole, fazendo-a desejar que sua gêmea tivesse morrido no lugar de sua mãe.
Com apenas 6 anos, Claire lida com sua carreira sem nenhum familiar por perto, seguindo obedientemente as ordens de sua agente; paralelamente, Nicole se vê como a mãe de sua irmã recém-nascida, Jesse (que Claire só pôde conhecer através de fotos), e a responsável por toda a confeitaria, já que seu pai nunca ligou para ela. Seu ódio só aumenta com o sucesso de sua irmã. Por que Claire pôde ter sucesso, fama e dinheiro enquanto ela teve que ficar em Seattle cuidando de tudo? Porém, toda história tem seus dois lados, e com as irmãs Keyes não poderia ser diferente.

Eu comecei a ler esse livro sem muitas pretensões, queria um romance mais explícito depois de ler 'O céu está em todo lugar' e ter somente um romance água com açúcar, e consegui bem mais que isso! 

A história bate bastante nessa tecla da relação familiar, que é um assunto que particularmente me agrada bastante. Gostei muito de ver a evolução do relacionamento entre Nicole e Claire, e admito que ainda não consegui simpatizar com a Jesse. O que eu mais gostei na relação das gêmeas, é que depois que elas superam as suas 'diferenças' que irônico né? elas voltam a ser unidas como eram quando crianças, e se tornam tão próximas, que é impossível não sorrir no decorrer das páginas.

O que eu mais gostei no livro sem dúvida foram os diálogos bem estruturados. A autora soube trabalhar muito bem com as palavras usadas pelos personagens, e somente pelo que eles dizem você já pode definir a personalidade de cada um.

Admito que mesmo essa história sendo voltada pra Claire, a minha personagem preferida foi a Nicole. Ela é totalmente sarcástica e real. Não é aquele tipo de mocinha que fica sonhando com o príncipe encantando ou coisas do tipo. Depois que ela deixa de ser uma vadia com a Claire, é impossível ela não ganhar o seu coração u_u

"- Você vai ficar com uma cicatriz e tanto - disse ele.
- Os homens são loucos por cicatrizes. - sussurrou Nicole, sentindo a boca seca. - Vou ter que afastá-los com um porrete. Não que eu sequer consiga imaginar que voltarei a ter forças para erguer um porrete. Posso bater neles com um canudo? Consigo erguer um canudo." (Página 33)

Claire também merece atenção. De um jeito inocente, ela consegue ser o sonho de qualquer homem (ao menos, assim eu presumo). Loira, gentil, engraçada na medida certa, talentosa, e com uma beleza extraordinária. Mesmo não sabendo ferver água, ela da o seu melhor em qualquer coisa que faça. Mesmo Nicole expulsando-a e insultando-a de todas as formas possíveis, ela não se deu por vencida e foi até o fim com o seu propósito. Ela prova que determinação e confiança dão resultados, independente do quão triste ou doloroso for o caminho. 

"Claire observou a cena, sentindo o coração apertado diante da ternura e do cuidado que Wyatt demonstrava. Queria um pouco daquilo para si mesma. Não de Wyatt, mas de alguém. Queria um homem que cuidasse dela, que se preocupasse com ela. Queria amigos e família. Queria uma vida.
 E voltara para casa principalmente para encontrar isso." (Página 39)

Nem preciso falar de Wyatt, pois ele é o tipico pedaço de mal caminho que as piriguetes literárias ficam babando u_u . O destaque, do meu ponto de vista, fica para Amy, a filhinha de oito anos que a esposa de Wyatt abandonou para ele cuidar após descobrir que a menina era surda. Além da menina ser uma fofura, ela não se deixa afetar pela sua deficiência. Ela vive como qualquer criança da sua idade, com a mesma felicidade e sorriso inocente. 
Gostei muito da autora ter abordado esse tema, pois ela não o utilizou como um ponto para provocar pena ou coisa do tipo. Pelo contrário. O fato de Amy ter essa deficiência só faz com que gostemos mais dela e de sua força de vontade. 

"Ela posicionou a partitura. Wyatt observou as folhas de papel, os pequenos símbolos negros que significava tanto para Claire. Como alguém conseguia fazer aquilo? Como era possível ela...
 Claire colocou as mãos sobre as teclas e começou a tocar. A música encheu o auditório, as notas claras e fortes, mais linda do que qualquer coisa que Wyatt já ouvira (...)
Nicole inclinou-se na direção dele.
- Ela está conseguindo.
- Ela é impressionante.
- Parta o coração dela e eu lhe darei uma surra. Pior do que isso, não serei mais sua amiga.
Wyatt encarou Nicole.
- Está falando sério?
Nicole assentiu.
- Ela é minha irmã." (Página 195)

No decorrer da leitura encontrei alguns erros de revisão, mas nada que interferisse no entendimento de algum parágrafo. As páginas são brancas, o que pode atrapalhar alguns leitores, mas devo dizer que dessa vez achei bem tranquilo ler (mesmo durante a noite) as páginas dessa cor. Acho que conforme você vai lendo livros com esse tipo de folha você vai se acostumando, e conforme vai indo, a cor da folha não interfere mais na leitura.

Próximos volumes:


  


Eu já tenho os outros dois livros, e confesso que estou looouca para começar a ler 'Um Gosto de Amor' já que a história vai ser voltada para a Nicole <3 espero que a dona Susan não me desaponte u_u kkkk.

Devo dizer que concordo com o que o Booklist disse (e acho que não fui a única, já que essa opinião está impressa na capa do livro), quem curte Nora Roberts sem dúvida alguma irá se apaixonar por Susan Mallery. Recomendo a todos os fãs da dona Roberts, e a todos os amantes de um bom romance temperado com algumas cenas apimentadas (;

24 comentários:

  1. Achei a capa tão linda *-*
    Adorei sua resenha, e a temática do livro me agrada muito.

    Beijocas.
    paixaoliteraria.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também achei! *u*
      que bom que você gostou benzitcho! Então eu mais que recomendo esse livro pra você! ((((:

      BEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  2. Eu to doida para ler essa série da Susan Mallery, parece ser incrível. :)

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E é! recomendo muito! n__n

      BEEEEEEEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  3. Oláaa! As capas desses livros sempre me chamaram a atenção são demaaais *.*

    Pela resenha deu mesmo para perceber que o estilo é meio Nora Roberts... Adorei :D

    Suuuuper beijo
    http://estoulendoo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ane! ((:
      lindas né? *.* . Que bom que gostou! n__n

      BEEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  4. A série não faz meu gênero. Portanto, não tenho nenhuma vontade em ler, mas sua resenha ficou bem explicada. Ahh e as capas dos livros também são bonitas.

    Feliz Ano Novo!

    Lucas / Era uma vez

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena \: aaawn, muito obrigada! fico feliz que tenha dado pra entender, asuhdiuahdiuhsdhiuads. Eu também achei *u*
      Muuuuito obrigada, um feliz ano novo pra você também! (((:

      BEEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  5. Rafiiiinha, enfim pude comentar aqui no blog. Espero que entenda a minha ausência =)
    Bom, já há algum tempo desde que não leio um bom romance. Ou apenas um romance fofo, água com açúcar, como você bem o disse. Já tinha visto essa série em livrarias e no Skoob, mas nunca tinha dado atenção ao fato de que elas eram irmãs e tudo o mais.
    Também gosto quando envolvem questões familiares. Acho que a história fica mais verdadeira e sentimental.
    Gostei da resenha e fiquei curiosa para ler o livro!
    Adorei o trecho da Nicole heiuheiueh
    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaaaana! *u*
      mas é claro que eu entendo! hoje em dia ta corrido pra todo mundo \:
      sério? eu nunca vi nada da autora nas livrarias aqui da minha cidade! só na internet mesmo D:
      Concordo totalmente! são as histórias que mais me agradam n__n
      Que booooom que gostou! eu super te recomendo Ana! não é um daqueles livros super filosóficos e intelectuais que você lê, mas é ótimo para 'limpar o paladar' entre uma leitura e outra, sabe? *.*
      hsudhashdiuhasdiuhiusdd, eu também gostei! ((:

      BEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  6. A capa por si só já chama a atenção e a sua resenha só veio a complementar o livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awwwn, que amor! <3

      BEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  7. Uma amiga leu esse livro e adorou. Ela mencionou muito romance, achei que ia ser algo meio meloso. Depois de ler sua resenha achei bem interessante esse negócio de família! Fiquei com vontade de lê-lo :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O romance está presente na história, mas não chega a ser algo meloso pelo fato de não ser o único assunto do livro ((: . Fico feliz que minha resenha tenha despertado o seu interesse *u*

      BEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  8. MDS chorei com o ~fique mais aceso que o forno da padaria~. haha

    Parece ser bem interessante, a sinopse junto com sua resenha me deixou com vontade de ler. (ok, o cupcake na capa é um bônus). haha


    Beijos, Mari.
    http://papersblood.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, poooois é.
      esse cupcake é um amor né? *u*


      BEEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  9. "Típico pedaço de mal caminho" = morri de rir.

    Bom, oi!
    Acabei de conhecer seu blog!
    Como você, também adoro esse tipo de livro com relações familiares. Eu já tinha ouvido falar desses livros, mas não gosto da capa (me parecem muito bizarras, os casais não tem muita química).
    Depois da sua resenha não sei se quero ler, mas com certeza olho o livro com outros olhos. Você me fez acreditar que não é mais um livro romantico, mas sim uma boa história dramática. Acho que isso tá em falta na minha vida.

    Eu também tenho o poder de gostar mais da irmã/melhor amiga da protagonista, então acho que também ia preferir a Nicole, haha.

    Adorei seu blog e você escreve muito bem!

    Faça uma visita: nathlambert.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nath, bem-vinda ao blog! *u*
      shiduhiasdhiashdiuasd, eu adooooro essas capas! mesmo eu concordando com você sobre a parte da química u_u.
      Que bom que minha resenha ajudou a mudar a sua visão sobre o livro (((: . Então eu mais que recomendo essa leitura benzitcho! u_u
      uashdiuhaiusdhiuashdiuhasidusd, tamo junto! o/\o kkkkkkkkkkk.

      Awwwwwwwwwwwwwwwwn, que amorzinho! <3 muuuuito obrigada, e fico mega feliz que você tenha gostado! n____n
      Pode deixar que eu farei (((;

      BEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEIIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  10. Oi eu ja li esse livro e amei ele estou louca apra ler os proximos volumes :) Parabens pelo blog estou seguindo ele. retribue porfavor?
    www.resenhasteen.blogspot.com
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história é um encanto né? *u* acabei de resenhar o segundo volume, caso queira ler. Acho que vou demorar um tempinho pra ler 'Um Gosto de Esperança' pois a história da Jesse é a que menos tenho curiosidade \\: .
      Muitíssimo obrigada! pode deixar que eu retribuo n__n

      BEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  11. Nunca li esse livro, mas ele me chamou tanto a atenção que tive que ler sua opinião! kk Adorei a resenha! Você não economizou palavras, e foi reveladora < aprecio isso.
    Os diálogos são interessantes. Acho que isso vai me fazer apostar nesse livro. Adoro qualquer "tipo" de livro, minha única regra é que ele seja bom.

    Beijos!
    Letícia Lançanova
    palaciodelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaaah, que bom que você gostou benzitcho! *u*
      Os diálogos são ótimos né? é o que eu mais gosto na escrita da autora ^-^
      Aposte sim benzitcho, tenho certeza que você vai gostar! u_u

      BEEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  12. Olá,olha eu aqui novamente(hahahaha).Mas falando agora sobre sua resenha...Adorei!Não tinha lido ou ouvido falar sobre esta autora.E sua resenha me deu aguá na boca,serio!Estou com uma vontade de ler ele(ainda mais depois de vc dizer que quem gosta de Nora vai amar)Ai você me abala(hahahaha).
    Vou já,já adicionar na minha estante este livro.

    Beijokas Ana Zuky

    sanguecomamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, tudo bom? ((((:
      aaaah, que bom que você gostou! *-----*
      ahsdiuhasiudhauishdiuads, então é certeza absoluta que você vai gostar, pois tanto a temática quanto a escrita usada no livro lembram baaaaaastante a Nora! u_u
      Fico feliz em saber disso! n__n

      BEEEEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir


A opinião é livre, não pode nem deve ser violentada.
(Baltasar Gracián y Morales)