28 de outubro de 2012

Resenha: Quem mexeu no meu queijo? - Spencer Johnson



Autor: Spencer Johnson, M.D.
Editora: Record
Ano: 2010
Páginas: 111


Sinopse: Quem mexeu no meu queijo? é uma parábola simples que revela verdades profundas sobre mudanças. Spencer Johnson criou uma história divertida e esclarecedora sobre quatro personagens - dois ratos e dois humanos do mesmo tamanho dos roedores que vivem em um labirinto em eterna procura por queijo, que os alimenta e os faz felizes.

O queijo é uma metáfora daquilo que se deseja na vida, seja um bom emprego, um relacionamento amoroso, dinheiro, saúde ou paz espiritual. O labirinto é o local onde as pessoas procuram por isso: a empresa onde se trabalha, a família ou a comunidade na qual se vive.
Nesta história, os personagens defrontam-se com mudanças inesperadas. Um deles é bem-sucedido, e escreve o que aprendeu com sua experiência entre as paredes do labirinto. Suas palavras ensinam a lidar com a mudança para viver com menos estresse e alcançar mais sucesso no trabalho e na vida pessoal. Escrito para todas as idades, Quem mexeu no meu queijo? apresenta propostas que podem durar por toda a vida.

Eu admito que livros de auto-ajuda não são lá os meus preferidos, e a prova disso é que eu só li um livro desse gênero. Mas, depois de muitos elogios da parte do meu pai (o que significa muito, já que ele detesta ler) e por estar procurando uma leitura rápida, eu acabei cedendo aos encantos dessa história que a principio, pode parecer só um conto para criancinhas, mas que conforme você vai se envolvendo na história e nos acontecimentos, percebe que pode tirar um bom aprendizado dessas páginas.

Eu gostei muito das metáforas que o autor usou, acho que além de tornar a leitura mais leve, possibilitou um maior entendimento do que nos era apresentado, mas sem deixar de ser agradável ao leitor.

Foto retirada daqui

O que eu  mais gostei na leitura, foi que o autor não escreveu o livro como se estivesse conversando com o leitor. Ele conseguiu pensar em toda uma história para colocar o assunto que ele queria tratar. Eu adooorei isso, porque faz com que você se envolva mais com a leitura e se analise menos, sabem? você ainda consegue ter momentos de reflexão no decorrer do livro, mas são reflexões e não analises induzidas pelo que o autor está pedindo.

Quando você termina a leitura, é impossível não ficar se perguntando com qual dos personagens nós mais nos parecemos, e é meio frustrante quando você se da conta de qual é. Mas, de certo modo isso é bom, assim nós podemos nos esforçar para mudar (: 

Foto retirada daqui

Eu acho que todos deveriam realizar esse leitura, independente da idade ou de ser ou não o gênero que você está acostumado a ler. É uma história tão simples e tão bobinha, mas que você pode tirar lições incríveis que vão ser usadas no decorrer da sua vida. Eu achei isso fantástico! porque o autor conseguiu colocar com palavras simples e em poucas páginas, atitudes ainda mais simples que podem te ajudar muito, seja na vida pessoal ou profissional. Porque vamos combinar, com o mundo que vivemos atualmente, quem é que não precisa saber se adaptar as mudanças? 

Uma leitura fácil, rápida e recomendada a todos! (;

5 comentários:

  1. Olá,
    Poxa,sou louca para ler esse livro faz tempo..porém,nunca tinha lido resenha só ouvia dizer que era muito bom..
    Agora lendo sua resenha pude constatar que o livro é muito bom MESMO e serve para nos ajudar com os impasses do dia-a-dia e serve ainda como uma lição de vida! Parabéns pelo blog e pela excelente resenha!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/
      :)))

      Excluir
    2. Oi louise! *-*
      aaaaawn, que bom que através da minha resenha você pode ter certeza quanto a qualidade do livro u_u uhasudihaiudhiuashuiad. Realmente, é uma leitura bem rápida mas isso não muda o fato do livro ser óoootimo e cheio de lições para a vida toda! n__n
      Muuuuuuuito obrigada! <3


      BEEEEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir
  2. Oi flor, bom?
    Então, eu nunca tinha ouvido falar desse livro :O #vergonhoso hahaha'
    Eu sou bem eclética, então os livros de auto-ajuda não são um problema pra mim, muito pelo contrário.
    A tua resenha tá muito bem escrita *-* até influencia o leitor a ler o bendito livro hahaha'

    Beijinhoss s2
    paixaoliteraria.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi benzitcho, tudo cor-de-rosa e você? n_n
      juuuuura que você não conhecia? DD: omg! auhsdiuhasiudh.
      Ah, se você é eclética então não pode deixar de fazer essa leitura, tenho certeza que vai gostar! u_u
      Awwwwwwwwwwn, jura? *.* que bom que você achou isso, e muito obrigada! <3 aushduiashdiuhsdiuhiud.


      BEEEEEEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :* <3

      Excluir


A opinião é livre, não pode nem deve ser violentada.
(Baltasar Gracián y Morales)