28 de junho de 2012

Resenha: Melancia - Marian Keyes


Autora: Marian Keyes
Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 490


Sinopse: A protagonista Claire tem 29 anos, uma filha recém-nascida e um marido que acabou de confessar o seu caso de mais de seis meses com a vizinha também casada.
Claire se resume a um coração partido, um corpo inteiramente redondo, aparentando uma melancia, e muita depressão, bebedeira e choro. Mas ela decide avaliar os prós e contras de um casamento desfeito depois de três anos e quando começa a se sentir melhor, o ex-marido reaparece para convencê-la a assumir a culpa por tê-lo jogado nos braços de outra. Claire vai recebê-lo, no entanto reservará uma bela surpresa para o ex.

"- Beber não afoga as mágoas de ninguém - suspirou papai. - Apenas as ensina a nadar."

O que eu achei: esse livro foi realmente algo complexo u_u acho que nunca enrolei tanto pra ler um livro do jeito que eu enrolei pra ler esse, e eu não estou exagerando. Como muita gente sabe e já deu pra notar pelas resenhas anteriores, eu sou beeeeem pirada por ficção, sabem? uasduhasiudhiausd, e como deu pra notar, esse livro não tem um pingo de ficção, é tipo, história real sabe? aí eu meio que decepcionei e fui desanimando logo nos dois primeiros capítulos e acabei parando de ler. Deixei o coitado largado por uns bons meses, até que em uma noite sem sono eu olhei pra ele, ele olhou para mim, rolou aquele clima e eu pensei: "Por que não? é um livro sem graça mesmo, logo nas primeiras linhas o meu sono já vem e eu capoto... simbora!" e foi aí que lá estava eu, as 23hr começando desde as primeiras páginas o meu primeiro livro da Marian Keyes. E meus amores, depois de toda essa introdução dramática eu devo admitir, calei a boca sobre o tal livro "chato e massante"! Que história incrível! é um chick-lit PERFEITO! incrível para aqueles dias em que a mulherada tá de TPM ou simplesmente quer rir horrores! eu comecei a ler e quando eu vi já tinha passado da metade, e já tinha dispersado todo o pouco sono que eu tinha, asudhaisudhiuashdasd. Demorei pra chegar nas últimas páginas, mas realmente valeu a pena! 

"Ninguém sabe quanto é forte até precisar ser."

 Acho que a autora soube trabalhar muito bem todos os personagens, o desenvolvimento da história ficou melhor a cada página, e sem dúvida, é um livro que te prende do começo ao fim!
 Adorei o jeito que a Marian conseguiu retratar a realidade de muitas mulheres, de uma forma tão descontraída e gostosa de ler, acho que isso realmente faz a diferença pra quem não é lá o melhor amigo dos livros.

Super recomendo esse livro se você tá começando agora a pegar gosto pela leitura; se você curte dar boas risadas e acompanhar algumas cenas mais hot; se você, assim como eu, está tentando variar na leitura... enfim, eu recomendo para todos os públicos! *-* 

2 comentários:

  1. Eu vi esse livro na estante das lojas americanas, me chamou pela capa e porque amo melancia -rs- só que eu não comprei ):, já ouvi falar muito bem dele e muito mal também, mas na próxima oportunidade ele vai estar na minha cabeceira. Ameeeeei seu blog, você é uma fofa e vamos fazer Jornalismo \õ/ haha. Estou seguindo *-*

    http://cappuccinoeaconta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é linda né? *-* ahsudhaiush. Pois é, eu também já li muitas resenhas negativas, mas eu realmente adooooorei e dei boas risadas com o livro! u_u
      Awn, que bom que gostou benzitcho, eu também ameeei o seu *-* Brigada :B uashdiuashdiuahsiudhasiudsd.
      Sim siiim, vamos fazer \o/

      Obrigada por seguir flor *-*
      BEEEEEEEEEEIJINHOS E VOLTE SEMPRE! :*

      Excluir


A opinião é livre, não pode nem deve ser violentada.
(Baltasar Gracián y Morales)